Ministério da Mulher e da Acção Social

Text size
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Notícias

MMAS inaugura Centro Infantil Josina Machel em Chilembene

O Ministério da Mulher da Mulher e da Acção Social (MMAS), inaugurou esta quarta-feira, (17 de Dezembro de 2014), em Chilembene, Distrito de Chókwé, Gaza, um o centro infantil construído de raiz, com capacidade para assistir 60 crianças em regime semi-presencial.

 

Avaliado em 12 milhões de meticais do Orçamento do Estado, o empreendimento “baptizado” com o nome “Josina Machel” foi inaugurado pela Ministra da Mulher e da Acção Social, Iolanda Cintura, testemunhada pelo representante do Governos provincial, distrital e do posto Administrativo de Chilembene e a população local, além das famílias Machel e Muthemba como patronos da “creche”.

 

Para Iolanda Cintura, a construção do centro infantil em Chlilembene tem um grande significado para todo o povo moçambicano por ter sido erguido em homenagem a Heroina Josina Machel em reconhecimento do seu empenho incondicional na promoção do bem-estar das crianças e faz parte do Centro de Conhecimento Samora Machel. “A infra-estrutura reveste-se de grande importância pelo facto de ter sido construído em Chilembene, terra natal de Samora Machel, que sempre teve as crianças, as Flores que Nunca Murcham, como carinhosamente as chamava, o topo das suas prioridades”, frisou.

A governante disse que o centro vai atender crianças com idades entre 2 a 5 anos e contribuirá para a sua formação nesta fase para o desenvolvimento físico, mental, intelectual, estético e emocional contribuindo para que, no futuro, elas tenham uma boa inserção na escola e na sociedade.

 

Governo promove expansão e acesso à educação das crianças

O Governo tem feito esforço na promoção da expansão do acesso das crianças a educação pré-escolar através da construção de centros infantis e de escolinhas, bem como na formação de educadores de infância, capacitação dos animadores e no desenvolvimento de material pedagógico que permite melhorar a qualidade das acções realizadas na área infantil.

 

Como resultado, funcionam no País, 298 centros infantis dos quais nove (9) são públicos com 1508 crianças, contra 289 centros privados com um total de 26.996 menores. Esses centros atendem no total um número de 28.504 crianças enquanto as 616 escolinhas comunitárias atendem 52.461 crianças, totalizando 80.965 crianças.

 

Paralelamente a educação pré-escolar, o Governo, com a participação da sociedade civil e parceiros tem estado a realizar varias outras acções que garantem o desenvolvimento integral das crianças.

 

 Destaque dessas acções vai para a expansão da rede sanitária e da cobertura dos serviços de saúde, expansão da rede escolar e o aumento do número de alunos de ambos sexos a nível do ensino básico e secundário, implementação de programas de protecção social para agregados familiares em situação de vulnerabilidade e com crianças, reunificação e integração familiar de acolhimento e adoptivas de crianças. Por outro lado, o MMAS destacou a capacitação do pessoal das várias instituições e dos comités comunitários e criação de mecanismos de participação das crianças em assuntos de democracia através de parlamentos infantis.

 

Desnutrição crónica ensombra o futuro das crianças

Entretanto, a Ministra da Mulher e da Acção Social, disse que apesar dos esforços alcançados na assistência de crianças no Pais, “ainda há menores que não gozam dos seus direitos e que não vivem num ambiente salutar. “Registamos com preocupação a prevalência da desnutrição crónica em crianças, da violência, dos casamentos prematuros e de outros fenómenos que afectam negativamente as nossas crianças e por conseguinte, o desenvolvimento do Pais”, sublinhou Iolanda Cintura.

 

Foi nesse espírito que a governante explicou que o Centro Infantil Josina Machel deve constituir um espaço onde não só as crianças realizam actividades pedagógicas mas também para a transmissão de conhecimentos a comunidade para que permitam a adaptação de hábitos que contribuam para o desenvolvimento harmonioso das crianças. “ O centro deve ainda constituir um espaço de transmissão de valores históricos e culturais através da participação activa da comunidade não só na manutenção do edifício mas também no enriquecimento das actividades das crianças e do centro com recursos disponíveis na comunidade”.

 

Por outro lado, o centro deve incutir às crianças o gosto pela aprendizagem estimulando –as desde pequenas para que sejam os melhores homens e mulheres do futuro. “Por isso, as estruturas locais e a toda a população de Chilembene deve se empenhar na manutenção da infra-estrutura para que possa atingir o objectivo de proporcionar a educação pré-escolar e promoção do bem-estar das crianças”, disse Cintura desejando um final natal e sucesso para todos presentes, em especial a crianças para 2015.

 

A população de Chilembene agradeceu ao Governo pela entrega do empreendimento e comprometeu-se a fazer de tudo para a conservação do centro que será segundo a população constituirá “palco”  do desenvolvimento das “flores que nunca murcham”.

 

Por seu turno, a representante das famílias Machel e Muthemba imprimiu pelo mesmo diapasão o agradecimento ao Governo e particularmente ao Ministério da Mulher e da Acção Social por ter conseguido entregar o empreendimento em tempo recorde. “Este é um dos primeiros projectos a serem concretizados de tantos que temos em manga”, disse Olívia Machel uma das filhas de Samora Machel que, na ocasião, se fazia acompanhar por seus irmãos (Ornília Machel e Samora Machel Júnior) e tios da parte paterna e materna (dos Muthemba).

 

A construção do Centro Infantil Josina Machel surge como culminar de várias iniciativas no âmbito do ano Samora Machel, celebrado em 2011 no País. Nessa perspectiva, ergueu-se em Chilembene um Monumento Memorial da Heroína Josina Machel e uma Estátua gigante, também em celebração ao aniversário natalício do Herói de Libertação da Terra e dos Moçambicanos, Samora Machel.(x)

 

 

Actualizado em ( Quinta, 18 Dezembro 2014 13:34 )

 

Mulheres são maiores vítimas de violência no País

As mulheres continuam a ser mais vítimas das piores formas de violência baseada no género no País. Só de Janeiro a Setembro deste ano, foram registados 17.891 casos de vi...

Actualizado em ( Quinta, 18 Dezembro 2014 10:08 )

MMAS inaugura centro infantil em Chilembene

O Ministério da Mulher da Mulher e da Acção Social (MMAS), inaugura, amanhã (17 de Dezembro), em Chilembene, Distrito de Chókwé, Província de Gaza, um Centro Infantil, co...

Actualizado em ( Terça, 16 Dezembro 2014 12:52 )

MMAS lança “16 Dias” do activismo no País

O Ministério da Mulher e da Acção Social (MMAS) e parceiros da Sociedade Civil procedem ao lançamento, amanhã (25 de Novembro), na cidade de Matola, a Campanha dos 16 Dia...

Actualizado em ( Segunda, 24 Novembro 2014 13:07 )

Moçambique comemora o Dia Internacional da Pessoa Idosa

Moçambique celebra amanhã, 1 de Outubro, à escala nacional, o Dia Internacional da Pessoa Idosa, sob o lema” Valorizemos a Pessoa Idosa: Respeitar, Amar e Proteger é noss...

Actualizado em ( Terça, 30 Setembro 2014 12:01 )

Maputo acolhe Conferência Nacional Psicossocial

O Ministério da Mulher e Acção Social (MMAS) em parceria com a Iniciativa Regional de Apoio Psicossocial (REPSSI), uma organização não-governamental líder africana em apo...

Maputo acolhe Conferência Nacional de Protecção Social

O Ministério da Mulher e da Acção Social (MMAS) em coordenação com parceiros realiza nos dias 28 e 29 de Julho de 2014, em Maputo, a I Conferência Nacional sobre Protecçã...

Actualizado em ( Quarta, 09 Julho 2014 13:44 )

Função Pública: ”precisa de imaginação para o alcance dos seus objectivos”

O bom funcionamento e o alcance dos objectivos na Função Pública passa pelo poder de imaginação de funcionários como servidores públicos, defendeu na última, sexta-feira ...

Actualizado em ( Quarta, 02 Julho 2014 08:07 )

Funcionários do MMAS visitam Infantário 1˚ de Maio

Um grupo constituído por 17 técnicos do Ministério da Mulher e da Acção Social (MMAS) e do Instituto Nacional de Acção Social (INAS) visitou na última quinta-feira (26 de...

Pág. 1 de 11

Utilizadores Online

Temos 1 visitante online